Daily Archives: 28/11/2014

WhatsApp a testemunha chave na justiça

Published by:

whatsappNo plantão do fim de semana, o juiz Alexandre Morais da Rosa, de Santa Catarina, recebeu um processo de uma briga de casal. A mulher, achando que tinha sido traída, pedia para a Justiça obrigar o marido a mostrar as mensagens de WhatsApp no celular.

O caso é um tanto curioso, mas não se trata de uma picuinha qualquer da esposa para com o marido. De acordo com o juiz, “houve uma discussão com agressões por parte do marido, porque a mulher queria saber com quem ele estava falando nas mensagens do celular”. Não há mais detalhes acerca do caso porque ele corre em segredo de justiça.

Em outro processo as mensagens trocadas pelo WhatsApp serviram como prova de indício de paternidade. Em um processo em andamento na 5ª Vara da Família de São Paulo. Em sentença, o juiz André Salomon Tudisco exigiu o pagamento de R$ 1.000,00 (mil reais) mensais para a cobertura de despesas durante a gestação.

O relacionamento do casal, que se conheceu pelo Tinder, durou pouco, mas foi o suficiente para que ela engravidasse. Na petição, o advogado da gestante, Ricardo Amin Abrahão Nacle, utilizou cópias das mensagens trocadas pelo casal no WhatsApp, indicando que elas não deixavam dúvidas de que o casal teve relações sexuais sem preservativos durante o período fértil da mulher.

Em Rondônia no mês de agosto de 2014 na cidade Porto Velho teve uma briga envolvendo um casal por causa do aplicativo que foi parar na Central de Polícia. Segundo informações policiais o homem encontrou uma mensagem muito comprometedora no perfil do WhatsApp de sua esposa e quando foi questioná-la, houve um desentendimento entre as partes. O homem disse que sua mulher passou a lhe agredir com palavras de ofensa do tipo: corno e outros. Consequentemente entraram em luta corporal. Testemunhas acionaram a polícia via 190, que mandou uma equipe ao local e prendeu os envolvidos. O casal estava com várias lesões pelo corpo e foram conduzidos para a Central de Flagrantes.

Acerca do WhatsApp, vale ressaltar ainda que, de acordo com a Associação Italiana de Advogados Matrimoniais, o aplicativo é citado em 40% dos processos de divórcio e adultério na Itália. Não há dados como esse no Brasil, mas, dada a popularidade do aplicativo por aqui, é possível imaginar que a ferramenta também esteja no meio de vários processos iguais aos citados por aqui também.

__________________________________________________________________

O Blog abre espaço caso você amigo leitor tenha outro posicionamento a respeito do texto você pode fazer a Replica do texto, reivindicar seu direito de resposta ou fazer seu comentário. Teremos o maior prazer de publicar o seu texto ou comentário. 

__________________________________________________________________

Curta e Indique nossa Fan Page Portal Couto Lex’s para seus amigos e familiares.

facebook

Passaporte terá autorização para viagens com crianças e adolescentes

Published by:

passaporteA Polícia Federal fez várias alterações no Sistema Nacional de Passaportes (Sinpa) com o objetivo de agilizar e desburocratizar o atendimento dos viajantes.

As mudanças entraram em vigor na última segunda-feira. A principal delas é a inclusão, no passaporte, da autorização de viagem internacional para crianças e adolescentes desacompanhados ou com apenas um dos pais. A antiga tarja preta (código bidimensional), localizada na página de identificação do documento, será substituída por um texto que descreverá se o portador pode ou não sair do país com aquela criança ou adolescente.

Trata-se de uma dificuldade a menos, pois muitas pessoas foram impedidas de entrar no avião porque, no corre-corre, esqueceram algum documento do filho. Antes da medida, era preciso levar ao controle migratório do aeroporto o passaporte, a Certidão de Nascimento da criança e uma autorização impressa do marido ou da mulher, registrada em cartório, a cada viagem.

Com a nova mudança, a autorização será registrada uma vez. Isso porque os pais poderão, na hora de pedir ou de renovar o passaporte, imprimir na página de identificação pessoal a permissão concedida pelo outro. Após esse primeiro passo, os dados ficarão registrados no sistema da Policia Federal. Na próxima partida, não terá mais a preocupação de renovar o pedido.

A autorização é total ou parcial (para apenas um) e pode ser cancelada por ambas as partes a qualquer momento. Se, no futuro, alguém mudar de ideia e não quiser mais permitir que a criança viaje sem a sua presença, basta registar em cartório e informar à Policia Federal sobre a decisão.

_____________________________________________________

O Blog abre espaço caso você amigo leitor tenha outro posicionamento a respeito do texto você pode fazer a Replica do texto, reivindicar seu direito de resposta ou fazer seu comentário. Teremos o maior prazer de publicar o seu texto ou comentário.  

Curta a página oficial Canal Conselho Tutelar no facebook e indique para seus amigos e familiares.

Kombi dos Fotógrafos e a Suspeita de tráfico de órgãos ganha as redes sociais

Published by:

Imagens meramente ilustrativa

Imagens meramente ilustrativa

Segundo o boato que começou através do aplicativo WhatsApp que passou para rede social Facebook uma van, marca Volkswagen, modelo Kombi, prestando serviços fotográficos a crianças e adolescentes na cidade de Vilhena, de que as pessoas que está com esse veículo são suspeitas de fazerem tráfico de órgãos, e que a Polícia Federal (PF) estava percorrendo escolas da cidade pedindo que tanto as crianças, quanto seus responsáveis, ficassem alerta.

Não se sabe se esse caso é verídico, mas em apenas quatro dias o boato ganhou uma enorme repercussão no Cone Sul e no Estado de Rondônia.

A repercussão foi tamanha que no último sábado, 29 de novembro de 2014, FOTO-CAN-CAPA-300x233uma van cujas características não coincidem com as da Kombi foi presa pela Polícia Militar (PM) do município de Colorado do Oeste que levarão moradores da região ficaram preocupados a ponto de disseminar a informação da prisão dos suspeitos.

Diversos site de notícia do estado de Rondônia e milhares de compartilhamentos já foram feitos, e dezenas de pessoas que utilizam as redes sociais disseminaram o boato.

Guangue do palhaçoE até mesmo da circulação do veículo pelo interior do estado. E teve muitos internautas dizendo que viu a Kombi passar em seu bairro, e pela sua cidade e muitos estão dizendo terem sido abordados pelos fotógrafos que ofereceram seus serviços.

Será que é mais uma Lenda Urbana como A Gangue do Palhaço que Aterrorizou o Brasil e a grande São Paulo em meados na década de 90, até o momento a Kombi dos Fotógrafos não passa de boatos, porem canja de galinha e precauções não faz mal ninguém.

Que os pais e autoridades fique atentos para com as crianças na idade escolar, pois não sabemos se é apenas um boato ou realmente verdade a respeito do tráfico de órgãos.


Envie sua Sugestão de pauta, denúncia, fotos, videos, piadas para o WhatsApp: (69) 9987-6863 para envio. Não se esqueça de se identificar.


Conheçam, Acompanhem, CURTAM: JusRO